quarta-feira, julho 09, 2008

La Tortura ...

Volta nocturna com direito a uma sessão de masoquismo, não é para todos!

Bem, então foi assim, depois de uma semana e meia à espera da cavilha que prende o amortecedor da minha Canyon, lá chegou a encomenda, com um conjunto completo de parafusos e rolamentos para o quadro, tudo incluído na Garantia.

Mal soube que já podia ir pedalar falei logo com o Roberto para uma volta nocturna, ao que ele sugeriu logo um percurso. O Marcelo também compareceu há chamada com início e fim no Centro Cívico...

Saímos de Castelo Branco pela recentemente construida pista de BTT, também conhecida com Av. 1º de Maio, e seguimos em direcção aos Maxiais, depois viramos para as Bencrenças onde paramos num café local para desestabilizar os locais que ficaram a discutir, entre eles, sobre qual o nosso trajecto a partir dali, há e também para beber uma mini! Mal eles sabiam onde nos iríamos meter, bem e nós também não!!!
Saímos da Bencrenças e metemos-nos por um trilho que cada vez era mais apertado, fazendo um single bem interessante, ainda pensamos em voltar para traz, mas decidimos seguir aquele single bem apertado e cheio de vegetação, a certa altura o trilho acabou e então para não voltar-mos para traz entramos pelo mato dentro para ir apanhar um caminho mais à frente, que o GPS mostrava, ora aqui é que tudo se arranhou mesmo, cada vez a vegetação era mais fechada, as giestas deram lugar a carqueja seca e pior do que isso uma planta que tem umas folhas tipo agulhas, que arranham a valer e doi que se farta, mas como nos temos a mania de ser como o CLI "con dos colhones", teimamos em não voltar para traz e lá fizemos uns 100 metros ou mais daquilo...Vejam como ficaram as pernas...

Depois de encontrar-mos um caminho começamos a ver que este iria dar à Ocreza e decidimos voltar para traz pois já tínhamos gasto muito tempo só para fazer aqueles metros. Então voltamos às Bencrenças e seguimos pelos caminhos mais rápido de volta a CB onde acabamos nas "Docas" a beber umas médias para acalmar o ardor das pernas... depois de 1h de tremoços e bebida lá fomos para casa tomar um banhito e dormir um pouco.
É verdade, também aproveitei para experimentar o novo equipamento, que está um espectáculo e é muito confortável.

1 comentário:

rarn disse...

Oh Nuno, esta reportagem tem picos, eh eh eh

1 Abraço

rarn